14 de outubro de 2014

Rubros quadris



Do 117º Desafio Poético com Imagens - Arte: Jennifer Bruget


Mergulhou-me
em águas escuras
do sexo aos pés
eu era agora outra.

Rezava a profecia:
eu arderia escarlate
líquido incendiante
uma espécie de centauro
acariciado pela dança trêmula
dos pássaros aquáticos.

3 comentários:

José Carlos Sant Anna disse...

Por ser una,
do mistério das águas escuras,
conduzida ao cerne,
múltipla se faz
à rosa dos sentidos,
louvando enternecida
o seu sexo...
"pela dança trêmula
dos pássaros aquáticos.

Beijos, Tania!

cirandeira disse...

É sempre muito rico o emergir de mergulhos, principalmente quando
há fogo para purificar o eu primevo!

Beijos, Tânia

Jennifer Bruget disse...

Eu amo o seu poema.

Jennifer Bruget