23 de dezembro de 2010

Face côncava


Sou o manto
Que recobre o abismo
Face côncava
Onde ecoa o grito
Cavidade e penumbra
Leito primitivo
De um amor subterrâneo.

14 comentários:

Jorge Manuel Brasil Mesquita disse...

Simples e directo, o poema. Vai direito ao centro do amor.
Votos de um Feliz Natal
Jorge Manuel Brasil Mesquita
Lisboa, 23/12/2010

Pablo Rocha disse...

Algo inatingível em qualquer instância. Algo em cada um de nós que nos da medo. Tão reflexivo que me peguei duvidando de muita coisa em mim mesmo. Adoro este poder da poesia e o fiseste com grandeza, Tânia.

Beijos e um natal iluminado pra vc e todos os seus.

Milena T. Soares disse...

Arrepio.

lucidreira disse...

Tomara que ecoe com veemência! para sacudir toda a humanidade.
Que neste NATAL tenhas tudo que desejastes como brinde de uma saudação eterna e infinita.
Feliz NATAL.
Abraço

Assis Freitas disse...

o amor subterrâneo deve ser como aqueles rios que correm sob as cavernas e a gente tem que descer bem fundo, no mais profundo, para encontrar a correnteza que virá definitivamente nos naufragar,


beijo

Jorge Pimenta disse...

é tantas vezes nas galerias subterrâneas e mais insondáveis que se esconde o essencial de cada um de nós... saber procurar é a chave.
um beijinho com o calor do fogo natalício, querida tânia!

Zélia Guardiano disse...

Tania, minha querida
Que obra-prima você conseguiu realizar!
Versos lindíssimos!
E profundos ...
Adorei!
Grande abraço, amiga, com meus votos de Feliz Natal e maravilhoso Ano Novo!

Marcantonio disse...

Parece vir do profundo onde se movem os mitos e as teogonias. Caos e Eros. Vida e Thanátos. Amor subterrâneo sempre me lembra Hades e Perséfone e a expedição esperançosa de Orfeu.

Um abraço, querida Tânia.

Bípede Falante disse...

Que forte e bonito !

Um feliz Natal e um bom ano-novo, querido amiga :)

beijos

dade amorim disse...

É bem assim, o amor subterrâneo, primitivo, cheio de ecos que no entanto não se revelam. Um forte e belo poema.
Te desejo sucesso, boas expectativas e alegria no ano que está para chegar.
Beijo.

Costea disse...

Feliz Natal!

Lenita disse...

Feliz Natal! Continue com essa beleza toda.

Beijo

Lívia Inácio disse...

Tanto sentimento num ritmo tão bonito!

Gostei.

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Amor subterrâneo.... sei não Tania, mas tenho buscado dentro de mim esse amor, e somente assim poderei amar de verdade.