12 de julho de 2013

Epifania




Desafio Poético com Imagem -  Arte: Mirella Santana



(A Marcus Quintaes)




Alguém me disse
Que existe azul
No âmago do abismo.


13 comentários:

Assis Freitas disse...

belo, belo



beijo

António Eduardo Lico disse...

Bela poesia.

Dilmar Gomes disse...

Pronfun, Contreiras.
Um abraço. Tenhas um ótimo fim de semana.

Leonardo B. disse...



[azul

de azul infinito,
talvez...]

um imenso abraço, Tania

Lb

Fred Caju disse...

"Vertiginosamente Azul. Azul." (Carlos Pena Filho) / http://vimeo.com/36119786

Luiza Maciel Nogueira disse...

também no abismo acontecem despertares, lido Tania! grande beijo

José Carlos Sant Anna disse...

Pode ser azul, mas certamente não será tão quente como o desejamos.
beijos, Tania

Cris de Souza disse...

Não é a toa que azular rima com abismar...

Beijo!

Joelma B. disse...

há sereno na gente!

beijo!!

Adri Aleixo disse...

Nossa, Que mergulho!

Bjo!!!

Ira Buscacio disse...

Que olhar, Taninha!

Faz-se necessário ir ao íntimo
Tocar o azul
e voar

bj, mulher de todas as cores

Cecília Romeu disse...

Em todo o abismo existe o azul do mar, do ar..., para quem tem asas, nenhum precipício se precipita.

Beijos, Taninha!

eurico portugal disse...

monocromia sobre o arco-íris do que nos define a cada um...

beijos, taninha!